Marcelo D2

Hip Hop/Rap

Baseado Em Fatos Reais

59 hits

Letra da música Baseado Em Fatos Reais


Baseado em fatos reais
perto do ano 2000
liberdade de expressão aqui nunca existiu
o que eles querem eu sei é me deixar de lado
polícia bate no povo e o povo aguenta calado
dizem que faço apologia porque canto a vida
querem tampar minha boca enquanto fecham a ferida
acostumado com o poder manipulando mente
fica sabendo compadre comigo é diferente
Rua é o lugar de onde vim
e de lá vem a história de muitos igual a mim
vou te lembrar de uma coisa
um velho ditado popular
a lei tarda tarda e tarda pra falhar
roubar matar ou levar o dinheiro do povo
querem me calar mas olha eu aki de novo direto do Rio de Janerio,
Zona Norte correndo atrás com muito trabalho e sorte
malandro que é malandro não inverga
e quem sou eu pra ficar quebrando regra,
senhoras e senhores estou chegando aos céus
Black Alien bem vindo ao banco dos réus;
Eu sou pago pra rimar e rimo pra ser pago
e até preso e desta história ninguém saíra ileso
não subestime esse é meu time
toc toc polícia é uma questão pessoal me pegar no crime
mas eu te trago más novas
o nascer do sol se mantém sublime
de um lado eu tenho Bob do outro eu tenho o jimmy
na lírica bereta na lírica glock
sentado no banco dos réus do lado do rei
meu foco é a minha sentença
eu sei hora do pesadelo bem vindo
cego num asilo
mar gelado
caindo no "pelo"
luz no fim do túnel
alarme falso
prazer em reve-lo
decepciona-lo
sangue na cena do crime vaza pelo ralo
imprecionado eu dei um dois no que Deus não me deu
pois e eu estou enjaulado
mas continuo no pareo Black Alien
estilo livre função MC
culpado até que provem o contrário
Pra quem vem do passado o futuro é diferente
o presente no tempo presente
o meu futuro é outro
eu vou estravazar com o melhor da gente
eu pico
a mula toca o barco e passa a bola
urgente como um bravo bombeiro
meu semelhante eu resgato
lava jato a visão distorcida dos fatos
a hora é agora e o lugar é aqui
revolução televisão não vai transmitir autoentitulado
Dj's e Mc's espaço entre a paz e o inferno é um triz
não vim a toa e vou ficar para sempre queimando
espalhando essa lava fervente
sem rabo preso ou assunto pendente
ninguém passa opente no alienígena residente
me pergunta se eu to pronto e te digo o tempo todo
o tempo passa o tempo passa o rodo
momentos lentos enquanto detentos
ano novo nada próspero o fundamento
escadinha de helicóptero
detritos federais me botam na seqüela
só quem tem sangue bom que não amarela
com vocês meu companheiro Marcelo
Os cães ladram
mas a caravana para como você disse otário
mas estou aqui pra te provar o contrário
meu raciocino é muito rápido
vai entrar na sua mente então tome cuidado
vai ser assim daqui pra frente
não gostam do que falo me jogam na jaula
e acho que até tive sorte
outros vão pra vala correndo atrás de mim
querendo me pegar
tão me confundindo não sou nenhum Pablo Escobar
D2 não
somente o rei só me meto onde sou chamado só faço o que sei
só quem tá lá sabe como é que é
um abraço seu Raimundo Pavilhão 2CPË
passarinho na gaiola não canta
mas o bom passarinho bate a poeira e levanta
sai pra lá pela saco não vão me alcançar
e se alcançar vai ser difícil derrubar
Esse é um pedaço de uma história
que eu passei a um tempo atrás
Baseado em fatos reais

Comentários

Histórico nas Paradas

Gráfico